Colheita de arroz está no final, mas negociação é lenta

 Colheita de arroz está no final, mas negociação é lenta

(Por Cepea) Mesmo com a proximidade do final da colheita no Rio Grande do Sul, orizicultores têm disponibilizado lotes ainda menores do grão no mercado, diminuindo a liquidez interna, segundo informações do Cepea. A recente valorização do dólar frente ao Real, por sua vez, pode estimular a exportação.

Quanto à demanda, indústrias mostram interesse em adquirir apenas volumes pequenos, visto que indicam ter estoques confortáveis do arroz em casca, alegando que as vendas internas do produto beneficiado seguem bastante reduzidas. Além disso, com a finalização da colheita na maior região produtora do Brasil, agentes dos grandes centros de consumo brasileiro esperam adquirir volumes do fardo a preços menores.

1 Comentário

  • Pois é… Agora tem industria avisando que vão cobrar frete para quem não vender o arroz á deposito até 01 de junho. Cada vez mais pioram a situação de quem produz!!! Se as coisas estão assim poderemos ter um grande quebra-quebra industrial, pedidos de recuperação judicial, decretação de falência. Cuidem aonde vocês entregam o produto de vocês! Quando começam a cobrar pelo frete, depósito, secagem e apertam no rendimento é porque a boca da gateada tá preteando! Quem puder que segure o seu arroz!

Deixe um comentário

Postagens relacionadas

Receba nossa newsletter