Indústrias aumentam em 20% o uso de arroz nas rações

 Indústrias aumentam em 20% o uso de arroz nas rações

(Foto: AdobeStock)

(Por Planeta Arroz*) Os altos preços do milho e do sorgo impulsionaram a demanda por arroz na mistura de rações compostas do Japão, de acordo com um relatório da Rede Global de Informações Agrícolas do Serviço de Agricultura Estrangeira do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA).

O USDA projeta que o consumo de arroz em 2020-21 no Japão aumente ligeiramente para 8,3 milhões de toneladas, uma vez que o consumo de ração deve mais do que compensar os declínios no consumo de arroz de mesa.

O relatório observou que a tendência de queda do consumo do grão na mesa do japonês se acelerou em meio à pandemia de covid-19. O Ministério da Agricultura, Silvicultura e Pesca do Japão estima que o consumo per capita anual diminuiu 2,5 quilos para 50,7 quilos, ou 4,7%, em 2020, marcando o maior declínio na última década.

“A queda é atribuível à diminuição do consumo nos setores de serviços de alimentação, turismo, eventos e banquetes e à incapacidade do aumento do consumo das famílias para compensar as quedas”, disse o USDA. “Os altos estoques e a baixa demanda suprimiram os preços do arroz de mesa nos últimos 18 meses.”

O USDA estima que o ano de comercialização de 2021-22 a área de cultivo continuará diminuindo e projeta colheita de 1,526 milhões de hectares, com 7,56 milhões de toneladas de produção total. (*Com agências)

Postagens relacionadas

Deixe um comentário

Receba nossa newsletter